Medicina | Universidade Feevale

Conheça o processo

Este processo seletivo é destinado aos candidatos que estão vinculados a um curso de Medicina em outra Instituição de Ensino Superior no Brasil e desejam continuar seus estudos no curso de Medicina da Universidade Feevale.
O processo seletivo tem validade para ingresso no primeiro semestre letivo de 2020. Para ingressar no curso de Medicina, neste processo seletivo, é preciso ter cursado com aprovação, no mínimo, um componente curricular.

Editais

  • Nenhum registro encontrado.

Inscrições

As inscrições deverão ser realizadas presencialmente no período de 28/01/2020 até 07/02/2020, no Atendimento Feevale - Câmpus II (ERS 239, 2755 – Novo Hamburgo/RS, térreo do Prédio Lilás).

Cronograma

Cronograma Período
  Período de inscrições   28 de janeiro de 2020 até as 19h do dia 07 de fevereiro de 2020
  Prazo final para o pagamento da taxa de inscrição   07 de fevereiro de 2020
  Publicação da homologação das inscrições   12 de fevereiro de 2020
  Prazo para recursos da homologação das inscrições   Até as 19h do dia 13 de fevereiro de 2020
  Publicação da homologação final das inscrições   14 de fevereiro de 2020
  Divulgação da lista de classificados  14 de fevereiro de 2020
  Matrículas    Até as 22h do dia 17 de fevereiro de 2020
  Início das chamadas dos suplentes   A partir do dia 19 de fevereiro de 2020

Documentos necessários para solicitação

  • cópia do RG e CPF;
  • atestado de vínculo;
  • atestado de regularidade com o Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade);
  • cópia do Histórico e Certificado de Conclusão do Ensino Médio;
  • via original do Histórico Escolar de Graduação para instituições que não atendem a Portaria nº 230 ou Histórico de Transferência, constando a aprovação de, no mínimo, um componente curricular;
  • conteúdos programáticos originais (programa dos componentes curriculares que poderão ser aproveitados);
  • boletim de desempenho do Enem.

Documentos necessários para a matrícula

  • foto 3 x 4;
  • cópia do comprovante de quitação com o Serviço Eleitoral (última eleição);
  • cópia da certidão de nascimento, de casamento ou de emancipação;
  • cópia do certificado de quitação com o Serviço Militar (para candidato classificado, do sexo masculino, maior de 18 anos);
  • cópia do comprovante de residência com CEP (conta de luz ou telefone);
  • uma via original ou cópia autenticada do Certificado de Conclusão do Ensino Médio e do Histórico Escolar ou uma cópia autenticada do Diploma de Curso Técnico, devidamente registrado, conforme o Art. 44, II da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, de 20 de dezembro de 1996. O candidato classificado que tiver concluído o Ensino Médio no exterior deverá entregar uma via da declaração de Equivalência emitida pelo Conselho Estadual de Educação e uma via do Histórico Escolar, traduzido e juramentado conforme exigência legal;
  • Guia de Transferência ou comprovante de solicitação de Guia de Transferência (para instituições que não atendem a Portaria nº 230*) ou Histórico de Transferência (para as instituições que atendem a portaria nº 230).

*De acordo com a Portaria nº 230/MEC, de 09 de março de 2007, fica revogada a Portaria nº 975/MEC, de 25 de junho de 1992, não sendo mais necessária a emissão de Guia de Transferência. Portanto, o candidato deverá contatar a instituição de origem e verificar a documentação emitida pela mesma, que será Histórico de Transferência ou Guia de transferência.